Quer ter impressões em papel couché 300g usando sua jato de tinta?

Então siga essa dica rápida – um macete, se preferir – e surpreenda-se.

De fato ainda é impossível imprimir papel couché usando uma impressora jato de tinta (uma impressora laser consegue). Isso se deve ao fato de a superfície do papel couché não ser tão impermeável, impedindo a entrada da tinta a base de água usada nas impressoras jato de tinta. Com isso, a impressão fica ou muito borrada ou bem fraca.

Ao usar impressoras jato de tinta o ideal é sempre utilizar papéis específicos pois estes possuem coberturas capazes de receber essa tinta e produzir uma impressão com altíssima qualidade. E até mesmo papéis comuns, como opaline e sulfite, funcionam porque possuem fibras que absorvem a tinta.

Infelizmente não existem papéis glossy muito espessos, com mais de 240g. Mas com esta pequena gambiarra envolvendo papel glossy adesivo é possível ter uma impressão em um papel couché 300g ou mais usando qualquer impressora jato de tinta. Veja como:

Passo 1: Adquira papel glossy adesivo para jato de tinta
Você pode adquirir o papel glossy adesivo mais fino que houver.

Passo 2: Adquira papel couché 300g ou qualquer outro que queira personalizar
Ele pode ser encontrado em gráficas ou em lojas especializadas.

Passo 3: Imprima sua arte no papel glossy adesivo com a máxima qualidade
Configure sua impressora para papel fotográfico e faça a impressão.

Passo 4: Destaque o adesivo da base e cole-o no papel couché 300g
Sendo papel, não devem aparecer bolhas nem nada do tipo. No entanto, evite passar réguas ou outras coisas para não estragar a impressão.

Passo 5: Aprecie a sua criação
😀

Opcionalmente, faça a laminação da impressão usando Contact adesivo transparente ou BOPP para maior durabilidade.

E uma última dica: prefira cortar isso usando uma guilhotina facão. O corte com estilete deixa uma borda levantada que deixa uma aparência “mal acabada”.

E sim, eu sei que isso se trata de uma “gambiarra”. Como disse no começo do artigo, NÃO É POSSÍVEL imprimir em nenhum tipo de papel couché usando impressoras jato de tinta comuns. No entanto com esta pequena dica, que já foi testada diversas vezes, é possível produzir materiais bem acabados, com ótima espessura, em pequenas quantidades – este truque é ideal para produzir cartões de visita, marcadores de bíblia, caixinhas, tags e outros materiais onde uma boa espessura e rigidez podem ajudar.

Mas se você realmente necessita de impressão direta no couché, então procure gráficas rápidas especializadas, ou ainda impressoras laser específicas para gráficas rápidas, pois impressoras laser em geral não dão conta de um papel tão grosso.

Compartilhe por aí