É possível imprimir cartões de visita em papel couché na impressora jato de tinta?

Como já foi amplamente discutido, infelizmente não é possível imprimir em papel couché, mas há uma alternativa interessante.

Esse assunto já foi discutido amplamente aqui no site: dá pra imprimir papel couché? Infelizmente a resposta é não. Somente impressoras gráficas conseguem imprimir em papel couché.

Mas se você quer imprimir cartões de visita em casa ou revender pequenas quantidades para seus clientes, existe uma alternativa interessante: o papel glossy.

Os papéis glossy são feitos especialmente para serem usados em impressoras jato de tinta. Ele apresenta excelente fixação da tinta e tem ainda mais brilho do que o papel couché. Além disso, os papéis glossy normalmente oferecem proteção contra água – ou seja, a impressão não borra, mesmo se você usar tinta corante.

Os papéis glossy estão disponíveis em gramaturas que variam entre 90 e 250 gramas (por comparação, os cartões de visita feitos em gráfica têm gramatura de 250 ou 300 gramas).

O brilho natural do papel glossy permite imprimir cartões de visita com excelente qualidade e acabamento. Mas se você quiser ir além e ter um cartão de visita com alto brilho e virtualmente idêntico ao de uma gráfica você pode utilizar o processo de laminação.

A laminação consiste de aplicar um material transparente com alto brilho na superfície do material impresso. Esse material pode ser o BOPP ou até mesmo um adesivo transparente tipo Contact. A laminação protege o material e dá um acabamento mais refinado.

Observe que laminação é diferente de plastificação. Ambos os equipamentos, plastificadora e laminadora, estão disponíveis à venda, com a plastificadora sendo a opção mais barata. Para pequenos volumes é possível usar apenas uma plastificadora, e dependendo do modelo você pode usar folhas de BOPP cortadas em uma plastificadora comum. Para grandes volumes ou trabalho constante durante várias horas, é recomendável usar uma laminadora profissional.

Pessoalmente já fiz testes em papéis glossy e laminando em uma plastificadora comum usando adesivo tipo Contact. Os resultados foram excelentes e o acabamento ficou idêntico ao dos cartões feitos em gráficas. Mas lembre-se de que os resultados podem variar, e eu não me responsabilizo por quaisquer problemas. Sempre faça testes em pequena quantidade antes de iniciar qualquer trabalho.

Compartilhe por aí