Como fazer blocos colados com acabamento profissional

Você já pensou em fazer blocos colados, como aqueles blocos de anotações, ou bloquinhos de calendários, ou ainda talões de recibos, notas fiscais ou comandas? Já tentou de tudo e não sabe como conseguir um bom resultado? Pois aqui no TudoSobreImpressão você vai aprender a fazer o emblocamento com acabamento profissional, com a mesma qualidade das gráficas. Continue lendo!

Imprimir talões e blocos é uma atividade simples e que pode te render uma boa grana com pouco investimento. Basta alguns itens e você já pode ganhar dinheiro vendendo estes itens em comércios próximos a você, ou criar itens personalizados e vende-los pela internet, como ímãs de geladeira com blocos de calendários.

Mas como fazer o emblocamento com cola, igual ao das gráficas?

Existe um segredo bem simples para se fazer este emblocamento, que eu lhe explicarei logo a seguir. Mas primeiro vamos ver os itens e materiais necessários.

Para a impressão

Para imprimir as folhas será necessário ter um computador e uma impressora. A impressora pode ser jato de tinta ou laser, de qualquer modelo – fica a seu critério. Mas lembre-se de que certos itens, como recibos, blocos e talões diversos, normalmente são solicitados em grandes quantidades, e com isso pode ser interessante considerar uma impressora bem rápida.

O papel a ser usado deve ser sempre o sulfite 75 gramas ou superior. Nenhuma impressora é capaz de lidar com papéis mais finos do que este, como o papel jornal. Em todo caso, o preço do papel jornal pode nem valer a pena.

Também não será possível usar papel autocopiativo, visto que ele é incompatível com impressoras. Papel autocopiativo deve ser impresso usando processos de offset. Se o seu cliente precisa de blocos com múltiplas vias, faça em papel sulfite comum e recomende o uso das folhas de papel carbono.

Para o emblocamento

Depois de imprimir as folhas será necessário fazer o emblocamento, que no caso de recibos, blocos e talões consiste de três etapas: intercalar (caso você esteja fazendo blocos com múltiplas vias), colar e cortar. Intercalar significa apenas colocar as folhas em sequência (branco/amarelo, por exemplo).

Para a colagem você precisará de:

  • Pincel na(s) largura(s) que lhe for(em) mais conveniente(s)
  • Cola de PVA (acetato de polivinila). Este é um tipo de cola com as características ideais para se fazer o emblocamento, e pode ser facilmente encontrada em papelarias.
  • Folhas de papel mais grosso – podem ser folhas usadas, pois elas servirão apenas para proteção e para evitar o excesso de cola no topo.
  • Chapas de madeira, MDF, metal, vidro ou qualquer material que preferir, cortadas no tamanho aproximado das folhas que você irá emblocar – isto será usado para pressionar as folhas, mantendo-as juntas durante a secagem da cola.
  • Pesos de qualquer tipo – o mais pesado possível.
  • Guilhotina para 300 folhas ou mais – para cortar os blocos depois de colados.

Observação: esta cola parece estar disponível somente na cor branca. Não sei se a cola vermelha usada em gráficas é do mesmo tipo ou se possui outra formulação. Em todo caso fiz diversos testes de emblocamento com a cola de PVA e os resultados foram incrivelmente profissionais, portanto você pode ignorar a questão da cor.

Como fazer

Imprima e monte os blocos do jeito que preferir. Se necessário, corte com a guilhotina para expor as bordas que serão coladas.

Coloque todas as suas folhas sobre uma mesa e monte um “sanduíche” com as folhas impressas no meio, as folhas de papel mais grosso no começo e no final do bloco (lembre-se: elas serão apenas para proteção) e as duas chapas rígidas. As chapas ajudarão a alinhar as folhas.

Deixe as folhas bem alinhadas e bata a lateral na mesa para que fiquem retas. Certifique-se de que a borda a ser colada esteja limpa, e então cuidadosamente posicione o “sanduíche” perto da borda da mesa, deixando exposto apenas alguns centímetros (o suficiente para o pincel não sujar a mesa). Em seguida, coloque os pesos para prensar as folhas e mantê-las juntas durante a colagem.

Então, coloque um pouco de cola em um copo de plástico descartável, pegue com o pincel e aplique na lateral. Vá pincelando e criando uma camada uniforme não muito grossa nem muito fina (se ficar fina demais as folhas podem se soltar). Certifique-se de passar em tudo sem deixar escapar nenhum pedaço.

Depois é só deixar secar.

Como dar o acabamento

Com o bloco pronto e seco, resta apenas fazer o acabamento. Com o estilete corte as capas de proteção e separe os blocos individuais levantando e cortando com o estilete de fora pra dentro. Por fim, corte os múltiplos blocos usando a guilhotina.

Essa é uma dica garantida. Dúvidas ou dificuldades? Mande uma mensagem pra gente.

Compartilhe por aí
  • Jeniffer Kunzler

    Boa tarde. Gostei muito dessa dica que vai me ajudar e muito. Minha intenção é fazer cadernos com sobras de folhas para a faculdade. Você indica alguma maneira de fazer e colocar capa, para que não se estraguem tão facilmente?
    Obrigada!

  • Você pode imprimir a capa em papel fotográfico (glossy) em jato de tinta, ou pode imprimir a laser em qualquer papel.