Falhas na impressão mesmo após diversas limpezas e principalmente ao imprimir chapados? Saiba o que fazer

Se a sua impressora Epson está falhando mais do que o normal, e especialmente apresenta problemas ao imprimir cores chapadas – como se a tinta estivesse acabando apesar dos reservatórios cheios – não se desespere! Leia neste artigo uma possível explicação e veja dicas que podem te ajudar a resolver o problema.

Desde a popularização dos sistemas de alimentação contínua (os chamados ‘bulk ink’) – que começou com adaptações artesanais, e prosseguiu com o surgimento de kits prontos para uso, e por fim através da incorporação oficial deste recurso em impressoras de fabricantes como Epson, Canon e Brother – as impressoras jato de tinta passaram a ser uma alternativa viável para produção em pequena ou média escala de materiais impressos.

Muitos conseguiram iniciar seus próprios negócios revendendo cópias e impressões, e produzindo cartões, flyers, panfletos e todo tipo de material gráfico com baixo custo – o que é excelente para nossa economia, pois não é nenhum segredo que os pequenos negócios são o que impulsionam a economia de um país.

Mas uma coisa que muitas vezes acaba passando despercebida pelos proprietários destes equipamentos é a sua manutenção. Mesmo em equipamentos que já fornecem o sistema de alimentação contínua de fábrica, como a série L da Epson ou a linha Maxx Tinta da Canon, tais equipamentos ainda carecem de cuidados necessários para que o seu bom funcionamento seja preservado. Afinal, tais equipamentos ainda são, em sua maioria, destinados a uso doméstico ou de um pequeno escritório, e assim a sua vida útil é igualmente proporcional. Cabe ao proprietário do equipamento providenciar a manutenção do equipamento caso queira prolongar sua vida útil.

Mas isso não quer dizer que você precise jogar fora seu equipamento ao primeiro sinal de problemas. Na internet é possível encontrar diversos vídeos ensinando dicas e truques de como realizar trocas de peças ou fazer limpezas de cabeças. Mas neste artigo vou falar de algo que até mesmo a mim passou despercebido: as falhas de impressão causadas pela “falta” de tinta, em inglês chamado de “ink starvation”.

Não se trata de uma falta de tinta comum, em que você deixa esvaziar os reservatórios, mas sim de uma falta de tinta causada por um problema no sistema de alimentação de tinta. Neste sistema – seja ele original de fábrica ou adaptado – os cartuchos (chamados de dampers nas impressoras que trazem isso de fábrica) são conectados a mangueiras, que por sua vez são conectadas aos reservatórios de tinta. Essas conexões devem formar um sistema fechado, onde a tinta é trazida até a cabeça de impressão simplesmente pela pressão do ar – a sucção causada pelo próprio processo de impressão.

Isto significa que qualquer problema ao longo do sistema causará falhas. Abaixo você verá algumas das possíveis causas que poderão causar a “falta” de tinta, e possíveis soluções para os problemas.

Possíveis causas de problemas e suas soluções

Cartucho/damper vazio
Para que o sistema funcione adequadamente, é necessário que uma pequena quantidade de tinta seja armazenada dentro do cartucho/damper da impressora. Este é o famoso procedimento chamado de ‘pressurização dos cartuchos’. Em alguns casos o cartucho pode ficar vazio e causar falhas na impressão. Para resolver isto, basta retirar os cartuchos/dampers e repressurizá-los, puxando com uma seringa através da saída do cartucho ou de alguma outra abertura. Existem muitos vídeos explicando tal procedimento e ele é muito fácil de ser realizado, porém você deve prestar atenção: se o problema persistir (o cartucho continuar esvaziando) você deve analisar os outros itens abaixo.

Filtros de tinta entupidos
Os cartuchos/dampers possuem pequenos filtros dentro de sua estrutura que servem para segurar as impurezas da tinta. Com o tempo este filtro pode ficar entupido, tornando mais difícil a passagem de tinta. A solução neste caso é a troca dos cartuchos/dampers. É possível lavar os cartuchos por dentro forçando a passagem de produtos de limpeza, porém isso pode ser uma solução temporária.

Borrachas de vedação danificadas
Em impressoras da Epson (e possivelmente de outros fabricantes, embora nunca tenha visto) o bocal de saída dos cartuchos/dampers possui uma pequena borracha em forma de anel, que cria uma vedação quando o cartucho é inserido. Se você tem o hábito de usar uma seringa para puxar a tinta por este bocal, este anel de borracha pode estar mais largo do que o ideal e pode não estar criando uma vedação adequada. A solução neste caso é a troca dos cartuchos/dampers.

Conexões e mangueiras entupidas
Com o tempo pode ocorrer solidificação da tinta e acúmulo de impurezas nas conexões (joelhos) e nas mangueiras de tinta, dificultando a passagem da tinta ou impedindo a sua vazão num fluxo adequado. Aparentemente, isto é mais comum na cor preta, porém pode ocorrer com qualquer outra, e parece ser a causa mais comum da “falta” de tinta, especialmente se você usa o mesmo sistema já há algum tempo. A solução neste caso é a troca das mangueiras.

Reservatórios entupidos
Os reservatórios de tinta também possuem algumas conexões e possivelmente filtros, e assim como as mangueiras eles também podem ficar entupidos. A solução neste caso é a troca do reservatório, caso a troca das mangueiras não tenha lhe trazido sucesso.

Em resumo…

Assim como seu carro, sua impressora também precisa de manutenção. O sistema de alimentação de tintas é responsável por entregar a tinta à cabeça, e se você está enfrentando falhas demais ou falta de tinta, especialmente ao imprimir cores chapadas, você deverá inspecionar todo o sistema e, se necessário, trocar as peças como os cartuchos/dampers, mangueiras e reservatórios.

 

Compartilhe por aí